top of page

Fique por dentro do nosso conteúdo rico para o transporte rodoviário de cargas

Demonstrativo de resultado do exercício e suas contribuições para a empresa

Atualizado: 20 de set. de 2023



Se você é um profissional de Controladoria ou Finanças tenho certeza de que DRE ou Demonstrativo de Resultados já fez parte de sua vida!

Considerado uma das mais poderosas ferramentas disponíveis para análise de resultados e performance da empresa, a ferramenta tem lugar de destaque para sua implementação.

Tecnicamente, DRE é um demonstrativo contábil aplicado dentro do regime de competência para demostrar como é formado o resultado líquido do exercício, por meio da comparação entre receitas e despesas. Mas esse mesmo formato pode ser utilizado também já no regime de caixa como ferramenta gerencial e análise mensal de resultados.

É nesse grande compilado de informações que podemos resumir nossas operações financeiras, classificando individualmente cada conta e analisando em um determinado período os diferentes insights sobre a operação ou melhorias necessárias.


Qual é a importância do DRE para administração do TRC

O principal objetivo de confeccionar um DRE é o de detalhar cada passo que compõe o resultado líquido confrontando Receitas, Custos e Despesas, gerando informações significativas para tomada de decisão.

A Demonstração de Resultados do Exercício auxilia tanto na avaliação do desempenho geral da empresa, quanto na análise de eficiência.

O mais importante é que o DRE é elaborado de uma maneira sequencial permitindo a qualquer usuário interpretar facilmente as informações e entenderem como está sendo composto o lucro líquido da organização, e claro, o que fazer para maximizá-lo.

Realizando a abertura das contas e com o rastreamento dos lançamentos, é possível analisar detalhadamente os dados e identificar oportunidades de melhorias.


Resumidamente, o DRE de uma empresa é estruturado da seguinte maneira:

RECEITA OPERACIONAL BRUTA (ROB)

(-) DEDUÇÕES DA RECEITA OPERACIONAL BRUTA

(=) RECEITA OPERACIONAL LÍQUIDA (ROL)

(-) CUSTO DOS SERVIÇOS PRESTADOS (CSP)

(=) LUCRO BRUTO (LB)

(-) DESPESAS OPERACIONAIS

(=) LUCRO OPERACIONAL

(+) RECEITAS FINANCEIRAS

(-) DESPESAS FINANCEIRAS

(=) LUCRO ANTES DOS IMPOSTOS (IRPJ/CSLL) E DO RESULTADO NÃO OPERACIONAL

(+) RECEITAS NÃO OPERACIONAIS

(-) DESPESAS NÃO OPERACIONAIS

(=) LUCRO ANTES DOS IMPOSTOS (IRPJ/CSLL)

(-) IRPJ E CSLL

(=) LUCRO LÍQUIDO


Na estrutura acima apresentamos um exemplo, cabe lembrar que o demonstrativo de resultados é um relatório gerencial, com isso fica a critério de cada empresa estruturar o seu demonstrativo de resultados ideal, flexível as necessidades internas.


Se você está começando a estruturar a Gestão Financeira em sua transportadora, entre em contato com a Nextransport e confira a planilha modelo de DRE que elaboramos para você realizar o download gratuito.

9 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page